Livros que eu Recomendo

26 out

Sempre fui uma criança que gostou de escrever. Mas confesso que sinto um pouco de vergonha ao dizer que o primeiro livro de verdade que li foi Harry Potter. Tudo bem, o primeiro anime que assisti foi Dragon Ball Z, e ninguém tem nada a ver com isso! E tem gente que até hoje, nem Harry Potter leu…

A partir de Harry Potter, comecei a ler outras coisas. E tudo que eu lia, gostava. Mas ultimamente eu tenho começado a ficar um pouco mais exigente com os livros que leio. Não que já tenha lido muitos, mas já li o suficiente pra dizer o que gosto e o que não gosto. E após ver que meu amigo Vini desistiu de postar sobre livros no blog dele, decidi postar eu mesma sobre esse assunto. Quem sabe ele não se anima e posta também?

Como é um tópico bem grande, vou dividí-lo em dois: os livros que eu recomendo, e os livros que eu não recomendo. Então vamos lá!

LIVROS QUE EU RECOMENDO

***

HARRY POTTER, J. K. ROWLING

Ah, onde tudo começou! Eu nunca tinha ouvido falar do tal do Harry Potter, quando minha mãe me obrigou a ler o primeiro livro da série. Foi amor à primeira vista. Depois tive que esperar, desesperada, até ela me dar os outros dois que já estavam traduzidos. E depois esperar séculos até os outros serem escritos. E agora esperar de ano em ano pelos filmes. Podem chamar essa leitura de boba, infantil, o que quiserem. Eu recomendo. E quem nunca leu, não precisa se desesperar por serem 7 livros. Vá com calma, leia o primeiro. Se gostar, continue.

Na minha opinião, do melhor para  o pior: Harry Potter e As relíquias da Morte (livro 7), Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban (livro 3), Harry Potter e o Enigma do Príncipe (livro 6), Harry Potter e a Pedra Filosofal (livro 1), Harry Potter e o Cálice de Fogo (livro 4), Harry Potter e a Ordem da Fênix (livro 5), Harry Potter e a Câmara Secreta (livro 2).

Acho que não preciso nem dizer que os filmes são uma porcaria, certo? Principalmente o primeiro, que pelo visto tinha fortes restrições orçamentárias. Uma tristeza. Mas a partir do 3º filme, as coisas começaram a esquentar, e a qualidade subiu.  As expectativas são grandes para os últimos filmes, ainda mais depois da notícia de que o último livro dará origem a dois filmes, em vez de um. Uma forma muito boa de contar a história toda como ela deve ser contada… e de ganhar mais dinheiro, é óbvio.

***

DELTORA QUEST, EMILY RODDA

Certo dia, enquanto aguardava o próximo livro de Harry Potter, eu aguardava também meu avião São Paulo-Campo Grande. Foi então que me enfiei dentro de uma Laselva, e saí de lá com o primeiro livro de uma coleção curiosa. Não tão conhecido quanto Harry Potter, mas com certeza bastante divertido, Deltora Quest é uma coleção de 8 livros. Bem… a primeira coleção tem 8 livros. Depois disso tem uma com 3, outra com 4, e mais 2 pra encher lingüiça… Eu recomendo apenas a primeira coleção, e depois se quiser, você pode imaginar um “viveram felizes para sempre”, ou qualquer coisa que lhe convenha.

Até aí tudo bem… o problema pra mim foi quando eu descobri que estavam fazendo propaganda de Deltora Quest na Nickelodeon. Como futura publicitária, eu jamais deveria dizer isso, mas a verdade é que, do fundo do meu coração: Acho que um livro não precisa de propaganda na TV. Livro bom tem que se vender por si só. E ainda por cima inventaram de fazer um anime que conta a história do livro! O cabelo da Jasmine virou verde, e o do Lief, loiro! Credo! Simplesmente péssimo…  Mas esquecendo esses pormenores, o importante é que esses livros me proporcionaram algumas boas horas de diversão (sim, só algumas horas, pois cada livro não chega nem a 200 páginas), e eu recomendo!

***

O PLANO PERFEITO, SIDNEY SHELDON
O CÉU ESTÁ CAINDO, SIDNEY SHELDON
MANHÃ, TARDE E NOITE, SIDNEY SHELDON

Contrariando o que eu disse no início desse post, eu li O Plano Perfeito antes de Harry Potter, uns 7 anos atrás. Quem me emprestou esse livro foi meu amigo Vini… e eu nem sei se era dele! Mas me lembro que fiquei maravilhada com a história. Conspiração, investigação, vingança, e é claro, um assassinato cujo culpado só é revelado no final. Em outras palavras, Sidney Sheldon.

Óbvio que eu gostei do livro. Eu nunca tinha lido algo tão divertido antes. Fiquei pensando se pegaria emprestado As Areias do Tempo, do mesmo autor. Eu devia ter pego! No final das contas,  só fui ler Sidney Sheldon de novo este ano, com O céu está caindo, e Manhã, Tarde e Noite. Achei os dois bem fraquinhos, mas agora eu sei o porquê: já fui cativada por livros de fantasia. Mas dos livros que não são de fantasia, esses são bons. Tenho duas amigas que estão procurando ler mais, e me pediram livros emprestados. Para uma delas, emprestei Sidney Sheldon.

***

O DIA DO CURINGA, JOSTEIN GAARDER

Esse livro foi o Luís que me indicou. É do mesmo escritor de O Mundo de Sofia, apesar de eu nunca ter lido este último, e ter desistido depois que me contaram o final.

O Dia do Curinga é um livro muito bom, aposto como o autor cheirou alguma coisa antes de escrevê-lo. Adorei a forma como as cartas do baralho foram usadas pra se criar um calendário, pena que o Luís já tinha me contado esse e muitos outros spoilers, antes mesmo de eu começar a ler o livro.

O livro é narrado dessa forma: O menino lê um livrinho. No livrinho, um homem conta sua história. Na história do homem, outro homem conta sua história, e na história deste, um terceiro conta sua história. De forma que uma história está dentro da outra. O processo de entrada nessas histórias é longo, e misturado com o que se passa na vida do menino que lê o livro. E o processo de saída é fantástico. Não que seja algo impensável usar um capítulo para terminar a história de cada personagem, mas a forma como é feito ficou maravilhosa.

***

AS CRÔNICAS DE NÁRNIA, C. S. LEWIS

Ufa! Finalmente cheguei onde eu queria! Como decidi escrever mais ou menos na ordem em que li, As Crônicas de Nárnia acabaram ficando para o final, apesar de mercer destaque. Livro maravilhoso! Terminei de ler há algumas semanas, mas ainda me sinto dentro dele, é o tipo de história que eu gosto.

Esse é um caso curioso, já que eu primeiro assisti aos dois filmes que já foram lançados, e depois li o livro. Confesso que comecei a ler com um pouco de preconceito. Primeiro porque eu sempre achei, e continuo achando, que é muito melhor ler os livros primeiro, e assistir aos filmes depois. E segundo, porque eu já estava ciente das muitas referências bíblicas que encontraria no livro. E digamos que eu não seja uma pessoa muito voltada para o lado espiritual.

Mas o livro me surpreendeu. Vibrei enquanto lia, chorei quando acabou. Foi simplesmente fantástico. Agora estou aguardando ansiosamente pelo lançamento do próximo filme, ainda mais agora que descobri que estão seguindo a ordem de lançamento dos livros, e a próxima é minha crônica favorita, A Viagem do Peregrino da Alvorada.

Em relação aos livros, os filmes são fiéis à medida do possível, mas fogem um pouco afim de deixar a história mais dinâmica, criar mais conflitos secundários, e dar mais destaque ao clímax.

***

Bem, é isso. Da próxima vez falarei dos livros que eu recomendo… que ninguém leia! 😀
Até mais!

Anúncios

4 Respostas to “Livros que eu Recomendo”

  1. Murillo outubro 27, 2008 às 10:05 am #

    Como é bom poder ler algo de alguém que sabe escrever!!

    Grande parte dessa arte da escrita que você tem,garanto que boa parte você conseguiu ali,sentada na cadeira,deitada numa cama, lendo e viajando nesse mundo mágico das palavras, e como já dizia Carlos Drummond de Andrade “…Chega mais perto e contempla as palavras. Cada uma tem mil faces secretas sob a face neutra…”

    E garanto que tanto pra mim quanto para você palavras não são simples substantivos femininos como o “Aurélio” diz =P , prefiro ficar com a opnião de Drummond =D

    Bjooosss Bia

    =**

  2. luis brueh outubro 27, 2008 às 11:13 pm #

    mto boas as resenhas…. desses eu não li os do sheldon, e nem narnia (que só li umas partes…) dps quero narnia emprestado =D!!!!

  3. alina outubro 28, 2008 às 5:43 pm #

    Eu sou a amiga que ela falou que emprestou o livro do Sidney Sheldon- Manhã, tarde e noite , acabei de ler o livro agora pouco e gostei muito, e o tipo de livro que prende sua atenção, e você não vê a hora de saber o desfecho da história ^^ eu gostei muito!

    em relação ao texto do blog está muito bom neh, a karen escreve muito bem!

    =)

  4. Josaniel novembro 13, 2008 às 9:42 pm #

    Érrrr…eu nunca li Harry Potter e, como diz vc, ninguém tem nada a ver com isso =P
    Aliás dos livros que vc citou eu na verdade não li nenhum.. o/
    De Sidney Sheldon só li O Outro Lado da Meia-Noite(que por acaso nem está na sua lista) e de Jostein Gaarder apenas O Mundo de Sofia e, pelo que vc comentou sobre esse O Dia do Curinga, parece ser muito bom.
    Bye bye Bia =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s